Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de um café mal tirado

Nós também temos sentimentos...ok?

01.02.17, Crónicas de um café mal tirado
  Gostos são gostos e não se discutem mas...o nosso quiosque não é uma pastelaria, não tem muita variedade mas tem pelo menos 20 bolos diferente( entre doces e salgados) e tentamos abranger o gostos mais comuns( não conseguimos agradar gregos e troianos) temos os sabores mais comuns (chocolate, noz, limão,laranja,cenoura,feijão) os bolos mais pedidos (natas, donuts, bolos de arroz,)  Temos dois tipos de pão (Viena e cereais) folhados mistos, croissants, croquetes... Volto a (...)

Um café vazio até às bordas!

31.01.17, Crónicas de um café mal tirado
  Quem não se lembra deste senhor super peculiar? Entretanto descobri que ele é professor na Faculdade de Letras e faz todo o sentido, porque para além do seu ar meio ...(Mr bean mas super sério) todos os seus pedidos são feitos através de antíteses  ( fui avisa pela minha policia da gramática que é possível que seja mais correcto dizer Oxímoros, Obrigada Daniela )

Bica Curta

13.01.17, Crónicas de um café mal tirado
  Eu sei que nós prestamos um serviço totalmente personalizado e o melhor atendimento mas...   Um senhor (que nunca  tinha visto) aproximou-se do quiosque e disse:   «Uma senhora que costuma tomar uma bica curta, sabe para onde ela foi?»    Apenas consegui sorrir (muito ligeiramente) e dizer que não. Mas se o senhor puxasse por mim, poderia sair um coisa deste género       Em média tiramos 1000 cafés por dia de todas as maneiras e feitios (muitos e não são (...)

É para partir depois de tomar?

08.01.17, Crónicas de um café mal tirado
  Uma senhora aproxima-se do quiosque e pede:   «Um café daqueles para tirar a dor de cabeça...»   Eu sorri ligeiramente , sem perceber o que ela queria dizer com aquilo e fui para a máquina tirar um café normal. A senhora dirigiu-se para uma das mesas para apreciar o seu café   Entretanto, chega um senhor que pede um café e uma agua das pedras e fica ao balcão.   A senhora que tinha ido para uma mesa, pega na chávena e queria fazer um elogio mas só se houve isto...   (...)

É para recordação!

04.01.17, Crónicas de um café mal tirado
  Quem faz atendimento ao público diz muita coisa automaticamente e que por vezes nem faz sentido. Diz obrigada por tudo e por nada. Agradece quando nos pedem para trocar moedas, agradecemos quando servimos copos de água.   Eu neste dia estava apenas a assistir (a lanchar)     Um cliente aproximou-se do pediu duas natas e um café, A minha colega  perguntou automaticamente: a nata é para comer ?   ( nós costumamos perguntar se é para comer já ou para levar)   O cliente (...)