Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de um café mal tirado

Crónicas de um café mal tirado

11
Jun18

Eu não tenho pressa!

Crónicas de um café mal tirado

benifios cardo mariano.jpg

 

 

Um senhor entra na loja  e pede um suplemento de cardo mariano. Mostro-lhe as opções que temos... ela fica a analisar e diz ...a diferença deste para este é que  este é em xarope, não é?

 

Eu respondi: sim a diferença é que em liquido actua mais rápido porque entra diretamente na corrente sanguínea.

 

Ao qual o senhor responde : ah mas eu não tenho pressa!!!!  

28
Mai18

Escritores Portugueses Hot

Crónicas de um café mal tirado

8cd405aa815120abcdb2268fc50fa73a--reading-is-sexy-

 

 

Ok... posso-vos ter induzido em erro...posso ter exagerado um bocadinho...mas ao contrário daquilo que as pessoas pensam ( principalmente as novas gerações) os escritores portugueses não são todos velhos e feios!  Já que estão por aqui fiquem para para ver! 

Por ordem alfabética...

 

 

Afonso Cruz 

 

 

recurso.gif

 

Além de escritor, Afonso Cruz é também ilustrador, cineasta e músico da banda The Soaked Lamb. Nasceu em 1971(47 anos) , na Figueira da Foz, e viria a frequentar mais tarde a Escola António Arroio, em Lisboa, e a Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, assim como o Instituto Superior de Artes Plásticas da Madeira e mais de cinquenta países de todo o mundo. Já conquistou vários prémios: Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco 2010, Prémio Literário Maria Rosa Colaço 2009, Prémio da União Europeia para a Literatura 2012, Prémio Autores 2011 SPA/RTP; Menção Especial do Prémio Nacional de Ilustração 2011, Lista de Honra do IBBY – Internacional Board on Books for Young People, Prémio Ler/Booktailors – Melhor Ilustração Original, Melhor Livro do Ano da Time Out 2012 e foi finalista dos prémios Fernando Namora e Grande Prémio de Romance e Novela APE e conquistou o Prémio Autores para Melhor Ficção Narrativa, atribuído pela SPA em 2014.

 

É o meu escritor preferido por isso dispensa apresentações .

 

Jesus Cristo Bebia Cerveja

Flores

Nem todas as baleias voam

Os livros que devoraram o meu pai

 

 

 

Bruno Vieira Amaral 

 

image (1).jpg

Tem 40 anos.O seu romance de estreia, As Primeiras Coisas, valeu-lhe o Prémio de Livro do Ano da revista TimeOut (2013), o Prémio Fernando Namora 2013, o Prémio PEN Narrativa 2013 e o Prémio Literário José Saramago 2015.

 

Nunca li nada mas está na minha lista de próximas leituras.

 

 

 

 

 

José Luís Peixoto

 

joseLpeixoto-692x360.jpg

 

José Luís Peixoto nasceu em Galveias, em 1974(44anos)
É um dos autores de maior destaque da literatura portuguesa contemporânea. A sua obra ficcional e poética figura em dezenas de antologias, traduzidas num vasto número de idiomas, e é estudada em diversas universidades nacionais e estrangeiras.
Em 2001, acompanhando um imenso reconhecimento da crítica e do público, foi atribuído o Prémio Literário José Saramago ao romance Nenhum Olhar. Em 2007, Cemitério de Pianos recebeu o Prémio Cálamo Otra Mirada, destinado ao melhor romance estrangeiro publicado em Espanha. Com Livro, venceu o prémio Libro d'Europa, atribuído em Itália ao melhor romance europeu publicado no ano anterior, e em 2016 recebeu, no Brasil, o Prémio Oeanos com Galveias. As suas obras foram ainda finalistas de prémios internacionais como o Femina (França), Impac Dublin (Irlanda) ou o Portugal Telecom (Brasil). Na poesia, o livro Gaveta de Papéis recebeu o Prémio Daniel Faria e A Criança em Ruínas recebeu o Prémio da Sociedade Portuguesa de Autores. Em 2012, publicou Dentro do Segredo, Uma viagem na Coreia do Norte, a sua primeira incursão na literatura de viagens. Os seus romances estão traduzidos em mais de vinte idiomas.

 

Dispensa apresentações, é dotado de uma escrita muito própria e original. Um escritor que quero explorar mais.

 

 

 

João Tordo

 

joao-tordo.jpg

João Tordo nasceu em Lisboa em 1975( 43 anos). Licenciou-se em Filosofia e estudou Jornalismo e Escrita Criativa em Londres e Nova Iorque. Em 2001, venceu o Prémio Jovens Criadores na categoria de Literatura. Publicou os romances O Livro dos Homens sem Luz (2004); Hotel Memória (2007); As Três Vidas (2008), que recebeu o Prémio Literário José Saramago e cuja edição brasileira foi, em 2011, finalista do Prémio Portugal Telecom; O Bom Inverno (2010), finalista do prémio Melhor Livro de Ficção Narrativa da Sociedade Portuguesa de Autores e do Prémio Literário Fernando Namora e cuja tradução francesa integra as obras seleccionadas para a 6.ª edição do Prémio Literário Europeu; e Anatomia dos Mártires (2011), finalista do Prémio Literário Fernando Namora, entre outros.
O Deslumbre de Cecilia Fluss marca o fim da trilogia composta pelos romances O Luto de Elias Gro e O Paraíso Segundo Lars D. Os seus livros estão publicados em França, Itália, Brasil, Sérvia e Croácia. Trabalha como cronista, tradutor, guionista e formador em workshops de ficção.

 

A minha próxima leitura vai ser As três vidas que pelo que li é uma das melhores obras deste escritor. É filho do cantor Fernando Tordo.

 

 

João Ricardo Pedro

 

656x492.jpg

João Ricardo Pedro nasceu em 1973( 45 anos), na Reboleira, Amadora. Curioso acerca da força de Lorentz, licenciou-se em Engenharia Eletrotécnica pelo Instituto Superior Técnico. Durante mais de uma década, trabalhou em telecomunicações sem, no entanto, alguma vez ter aplicado as admiráveis equações de Maxwell. Na primavera de 2009, em consequência do carácter caprichoso dos mercados, achou-se com mais tempo do que aquele de que necessitava para cumprir as obrigações do quotidiano. Num acesso de pragmatismo, começou a escrever. "O Teu Rosto Será o Último" é o seu romance de estreia.

 

Não conheço mas possivelmente vou ler este livro que foi prémio Leya 2011.

 

 

 

Nuno Amado 

GetResource.gif

Nuno Amado nasceu em Lisboa, onde se licenciou em Psicologia Social e das Organizações e Psicologia Clínica. É doutorado em Psicologia do Desenvolvimento pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada/Universidade Nova.
Actualmente divide a sua actividade entre a prática clínica e o ensino, ocupando a posição de Professor Adjunto no Instituto Superior de Educação e Ciências. As suas actividades de investigação têm-lhe permitido publicar e participar em vários congressos científicos em Portugal e no estrangeiro. No nosso país, é pioneiro no estudo da Psicologia do Amor.
Diz-me a Verdade Sobre o Amor é o seu primeiro livro

 

 

 

 

 

Pedro Chagas Freitas 

 

Pedro-Chagas-Freitas.jpg

 

Pedro Chagas Freitas é um gajo que escreve cenas.
Está publicado em mais de uma dezena de países e é um dos autores mais vendidos em Portugal, em Itália e no Brasil.
Inventou jogos didáticos de escrita criativa.
Não aprecia más-pessoas e tende a não conseguir cumprimenta-las.
Faz tudo o que pode para fazer o que lhe apetece.

 

Quem nunca viu livros deste escritor anda muito distraído...nunca li nada e das criticas que tenho lido é que ou gostam muito ou que é muito intenso para ser livro de uma só vez...como disse a minha amiga Andreia Fernandes é muito amor de uma só vez...tem que ser doseado...

 

 

O que me dizem dos nossos escritores? Afinal o que é nacional é bom?

 

 

 

 

 

 

28
Mai18

Onde está o Alli?

Crónicas de um café mal tirado

image.jpg

 

Uma senhora, entra pela loja a dentro e pergunta assim de supetão ( nem boa dia disse)  onde está o Alli? 

 

Desculpe, não percebi, pode repetir?

 

O Alli onde está?

71ETpIuUWRL._SY355_.jpg

 

 

Para que efeito é?  ( sim porque ainda tive dúvidas se a senhora estava a gozar ou não). 

 

É para emagrecer

 

A minha mente parva, pensa logo que a senhora está desesperada à procura do Wally  mas afinal ela queria apenas emagrecer,  que muitas das vezes é mais difícil do que encontrar o Wally .

 

 

 

17
Mai18

Quiche saudável

Crónicas de um café mal tirado

IMG_4150.JPG


Não sou cozinheira de mão cheia, mas adoro esperimentar receitas novas para experimentar novos sabores. Ultimamente tenho posto em prática muitas receitas...todas elas no âmbito do fit e saudável...porque aqui a malta não brinca!!!Afinal estou numa cidade balnear 

Experimentei esta receita vale muito a pena e é uma forma de não comermos sempre a mesma coisa. Já fiz varias variantes desta receita. Já fiz tal e qual como na receita, já fiz com alho françes e esta é de salmão (esta ficou um bocadinho mais enjoativa mas muito saborosa).

Tirei esta receita daqui

 

INGREDIENTES:
400g de frango cozido e desfiado
400g de folhas de espinafres frescos
6 - 8 cogumelos frescos laminados
5 ovos
1 embalagem (200g) de queijo quark
1 Cebola picada
2 dentes de alho picados
Sal q.b
Azeite q.b ou óleo de coco
Noz moscada q.b
Salsa ou coentros picados

PREPARAÇÃO:
Pré aqueça o forno.
Numa frigideira coloque um fio de azeite (ou óleo de coco), a cebola picada, os dentes de alho, os cogumelos laminados e os espinafres. Deixe cozinhar.
Junte o frango cozido e desfiado.
Numa taça grande, bata os ovos. Adicione o queijo quark, tempere a gosto e mexa até obter uma mistura homogénea.
Adicione o preparado de espinafres e frango aos ovos batidos com quark. Envolva bem. Retifique temperos.
Deite o preparado obtido numa forma de silicone ou de fundo amovível e coloque no forno durante 15 - 20 minutos (180ºC) ou até ficar pronto.

 

Experimentem!!!

 

17
Mai18

Trufas Fit

Crónicas de um café mal tirado

IMG_4119.JPG

 

Felizmente hoje em dia vejo cada vez mais pais preocupados com a alimentação dos filhos( fazem excursões para ir comprar as papas da Holle ao celeiro )  muito motivados por orientações médicas ( que alertam para os perigos do consumo do açúcar refinado) ou de documentários que cada vez mais pertinentes e interessantes.

Não tenho filhos mas tenho uma sobrinha/afilhada em que aplico isto na prática para que ela não se sinta diferente dos outros mas que tenha as mesmas opções mas mais conscientes.

Tudo isto para dizer que ando a pôr em prática umas receitas muito interessantes. Esta por exemplo pode ser consumida por miudos e graúdos e pode ser servida em muitas ocasiões. Serve como pré treino ou pós treino ( porque tem a chia que lhe dá proteína) pode ser usada como snack, pode ser servida como sobremesa ou mesmo em festas. Muito fácil de fazer e muito saborosa, vais experimentar? 

 

INGREDIENTES:

 

1/2 chávena de flocos de aveia finos 

2 colheres de sopa de manteiga de amendoa

1 colher de sopa de cacau cru em pó

1 chávena de tamaras sem caroço

1 colher de sopa de sementes de chia

1/2 ch´+avena de amêndoas com pele

água para moldar

coco ralado, sementes de sèsamos, chia e amêndoa picada para enrolar.

 

Colocar todos os ingredientes no processador (excepto a água) e triturar até formar uma pasta. Moldar a pasta com as mãos ( molhadas em água) , fazer pequenas bolas e enrolar. Colocar no frio para consolidarem a sua forma.

 

29
Abr18

Can I show you a picture?

Crónicas de um café mal tirado

 

Rowan-Atkinson-Mr-Bean-death.jpg

 

 

Um senhor inglês aproxima-se ( um típico inglês de meia idade e com um sentido de humor bastante refinado) e pergunta: 

 

Do you speak English?

 

Eu respondo a sorrir : I understand


( sim porque o meu nível de inglês é bastante básico ( percebo mais do que falo, como muitos portugueses) mas acho que não chega para responder «a little bit»....)

 

Como já seria de esperar aqui há muitos turistas e apesar do meu nível básico de inglês tenho me desenrascado muito bem ( isto será tema para outro post ). Os que são mais difíceis de compreender são os Russos e os Franceses mas nada que um tradutor do google não ajude. 

O senhor saca do seu telemóvel e pergunta: 

 

Can I show you a picture? ( aqui é muito usual mostrarem fotos para mais facilmente identificarmos os produtos 

 

Eu respondo afirmativamente

 

E o senhor diz antes de mostrar a foto com aquela expressão e timing perfeitos: Me on the beach

 

 

 

 

 

23
Abr18

Tempo para ler, tens?

Crónicas de um café mal tirado

IMG_4081[1].JPG

 

Depois da reviravolta que a minha vida deu e de trabalhar muitas horas ( quem corre por gosto não cansa ) continuo a ter tempo para ler. 

 

Estou oficialmente no Algarve há um ano e efectivamente este trabalho é bastante exigente, o que fez com que eu tivesse de deixar de fazer muitas coisas que fazia antigamente ( costura, ver muitos filmes ) . Apesar de ler muito menos e de ser uma leitora lenta nunca deixei de ir lendo qualquer coisa. Tudo isto prova que temos sempre tempo para fazer o que gostamos mais temos é de ter prioridades.

 

Como é óbvio já arranjei aqui um « spot nice» para comprar uns livros de vez em, comprei estes a um euro cada  

 

E tu tens tempo para ler ou vais continuar a inventar desculpas? 

 

 

22
Abr18

O Pianista de Hotel - Rodrigues Guedes de Carvalho - Opinião

Crónicas de um café mal tirado

502x.jpg

 

 

SINOPSE:
 
O Pianista de Hotel transporta-nos numa melodia.É uma entrada para um mundo regido pela linguagem da música, pela sua força e beleza, presentes no ritmo de cada frase, de cada parágrafo rigorosamente medido.

Livro em camadas, nele se cruzam diversos planos, diversas histórias perpassadas pelo poder redentor da música que entra e rasga, a solidão, a dor e o vazio das pessoas que habitam nestas páginas. Com um vasto subtexto, a densidade das personagens está carregada de mistérios que nos prendem a sucessivas interrogações.

Há um pouco de nós em todas elas.
Há muito de nós neste mergulho ao mais fundo da alma humana. 
É um romance que se lê e ouve, que mantém todos os sentidos alerta. Uma pauta musical, com andamentos diversos, que acabam por se cruzar numa vertigem imprevisível de autêntico thriller psicológico.

E, depois, há o pianista…

 

Até agora está na «corrida» do melhor livro que li este ano...ok também não li muitos mas acho que este livro é mesmo muito bom, não podemos é desistir dele! A escrita deste autor não é fácil, temos que ser  persistentes, mas uma vez dentro da história já não conseguimos sair dela. 

A história é-nos apresentada em várias perspetivas que se interligam com mestria e suspense. Há determinados capítulos que acabam com o suspense lá no cimo e quando começa um novo capitulo ele já fala de outra coisa completamente diferente ( basicamente ele está-se nas tintas  para os nossos micro avc's ) mas é impossível deixar de ler porque este livro efectivamente prende!!!!

As personagens são muito ricas e intensas. Em relação ao final...só tenho a dizer que é um «final digno de Afonso Cruz» ( o que sendo o meu escritor preferido diz tudo...).

 

Por favor leiam este livro!!!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Crónicas de um café mal tirado's books

Venenos de Deus, Remédios do Diabo
The Girl on the Train


Crónicas de um café mal tirado's favorite books »

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.